Nossa música:  HTML5 MediaElement

notícias

  • 08
  • nov/2016

Ribeira Boêmia e Liga Contra o Câncer promovem o “Ribeira Azul”

Edição especial do Projeto Cultural terá oito grandes atrações, em alusão ao Novembro Azul

Clique na imagem para ampliar.
Depois do sucesso do “Ribeira Rosa”, o Ribeira Boêmia promove agora o “Ribeira Azul”, em alusão ao Novembro Azul, campanha dirigida à sociedade e, em especial, aos homens, para conscientização a respeito de doenças masculinas, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata. A soma do samba com prevenção, solidariedade e responsabilidade social, aliada à parceria com a Liga Contra o Câncer, será repetida no dia 19.11, a partir das 18h, na Associação Comercial do RN, na Ribeira.
“Iniciamos a parceria com a Liga Contra o Câncer na edição passada, quando chamamos atenção para a prevenção contra o câncer de mama, em pleno Outubro Rosa. E agora será a vez dos homens. Em mais esta edição temática, a Liga também estará presente distribuindo material de conscientização”, explica um dos idealizadores do Projeto, Leonardo Galvão.
Se no “Ribeira Rosa”, foram apenas cantoras convidadas, no “Ribeira Azul”, serão apenas homens: Carlos Brito (Clave de Si); Danilo Matos (Além do Normal); Isaque Galvão; João Felipe (Mesa Doze); Matheus Magalhães (Preto no Branco); Mestre Zorro; Rafael Barros e Tiago Landeira (Os Chicos); e Rafael Brandão (Ex-Mosaico e Samboêmios).
Para acompanhar, a Roda de Samba do Projeto Ribeira Boêmia, que nesta edição do “Novembro Azul” estará composta por Leonardo Galvão (cavaquinho); Anchieta Menezes (violão 7 cordas); Bruno César (flauta e sax); Daniela Fernandes (voz); Ayrton Neto (voz e percussão); Rogério Madureira (voz e pandeiro); Alex Amorim (voz e percussão); Flaubert Benício e Flávio Kyoto (percussão e efeitos gerais).
O Ribeira Azul será realizado em parceria com a Liga Contra o Câncer e contará com os importantes apoios culturais da Associação Comercial e Empresarial do RN; Universitária FM; Sesc – Sistema Fecomércio RN; Art&C Comunicação Integrada; PRATIKA Locações; ART Kamizetas; ABIH RN; CAA–OAB RN; Le Postiche; Empório da Limpeza; NEUTRON Segurança Privada; Imunizadora Potiguar; e Harabello Turismo.
Sobre os artistas convidados
Carlos Brito começou no samba aos 8 anos de idade, já desfilando em escolas de samba da sua terra natal, Macaíba. Em 1998 deu início à caminhada em grupos de samba, também em Macaíba. Em Natal, no ano de 2008, passou a integrar o grupo Arquivo Vivo, onde gravou dois CDs. Hoje faz parte do Clave de Si, com o projeto “Samba Lado Beco”, buscando fazer um resgate afro cultural do nosso samba. Foi finalista do MPBeco em 2012, com a música “Meu Protetor”, em parceria com Maurício Souto. Em 2013, foi finalista do FMPB, com a música “Terra do Sol”, em parceria com Marcos Souto.
Danilo Matos é natural de Natal, tendo, desde pequeno, o exemplo e a influência musical do seu pai, Marcílio Souza, clarinetista da Banda Sinfônica do Natal. Aos oito anos de idade, despertou-lhe o interesse pelo violão, com base musical no samba e MPB. Dois anos depois, essa influência foi acentuada, passando a frequentar, todos os domingos, uma animada roda de samba que acontecia no quintal da sua avó, reunindo toda a família.
Já aos 15 anos, conheceu o grupo de samba “Com humildade”, no bairro de Nova Descoberta, começando sua jornada profissional ali, e passando pelos grupos “D’Boa”, “SambaCom” e “Pelle”. Atualmente, faz parte do “Além do Normal”, a quem chama de família, se apresentando em eventos públicos e particulares na grande Natal.
Com uma voz potente e encantadora, retrata em seu repertório o amor que tem pelo samba, tendo como principais referências artísticas Noite Ilustrada, Ataulfo Alves, Fundo de Quintal, Jovelina Pérola Negra, Reinaldo, Jorge Aragão, Candêia e tantos outros que compõem o virtuoso mundo do samba.
Isaque Galvão começou sua carreira há 20 anos, no teatro de rua, sempre abordando a temática regional, folclórica e de tradições do RN. Logo fundou sua banda “Brebote”, que foi destaque na MTV. Foi premiado duas vezes como melhor show.
No ano de 2000, fez temporada de shows em Portugal, representando o Estado nas comemorações do descobrimento do Brasil. Lançou, no mesmo ano, seu primeiro CD e show solo, chamado “Lírio verde”, ganhando mais quatro prêmios, nas categorias de melhor show e melhor cantor.
Em 2002, fez turnê no Japão, com 40 apresentações. Já em 2005, vence o “Forraço” e puxa o bloco “Burro Elétrico”, no Carnatal, homenageando o grande compositor potiguar Dosinho. No ano de 2007, participa do reality “Ídolos”, em rede nacional, no SBT, se consolidando como cantor “TOP 9” do país.
Já em 2013, participou, também em rede nacional, do programa “QST”, do SBT, sendo o único artista do Estado a fazer um show inteiro ao lado de Jair Rodrigues, registrado em CD e DVD. Participou ainda, em 2016, do programa “Domingão do Faustão”, com o grupo “Os Carcarás”, no quadro “A capella”. No mesmo ano, homenageou Cauby Peixoto no programa “Máquina da Fama”, do SBT, novamente em rede nacional. Já lançou cinco CDs e três DVDs, seguindo em turnê de shows pelo RN e outros estados brasileiros.
João Felipe começou na música ainda na escola. Juntamente com um grupo de amigos do Auxiliadora, criou, em 2005, o "Mesa 12", banda que até hoje está em atividade no cenário local, onde é o vocalista desde seu princípio. Apaixonado por instrumentos percussivos e também pelo cavaquinho e violão, teve como inspiração, no início da caminhada musical, ícones como Jorge Aragão, Fundo de Quintal, Almir Guineto, Arlindo Cruz e Sombrinha, dentre outros.
Matheus Magalhães é jornalista por formação e sambista por vocação. Esse natalense começou a ouvir samba ainda no berço, por influência dos pais. Não aguentou ser apenas um admirador do samba, se entregando ao gênero musical, de quem se declara amante. Não vive de música, mas toca desde os 11 anos e hoje, além de percussionista, é um dos vocalistas do “Samba Preto no Branco”. Foi convidado por Eduardo Pandolphi e André da Mata para interpretar a música “Papo reto”, no projeto “Samba Autoral Potiguar”.
Mestre Zorro nasceu nas Rocas, sendo considerado um dos maiores nomes do samba em Natal, com inúmeras composições de sucesso. Integrante da escola de samba “Em cima da hora”, o compositor e sambista participou de vários festivais de música. “Tambor Brasil”, de sua autoria, foi considerada a melhor música do MPBeco, eleita por júri popular. Tem sua trajetória de vida no samba registrada no documentário “Mestre Zorro”. Gravou o CD “Mestre Zorro e o samba canguleiro”, com sambistas das Rocas. Está atualmente gravando o seu próprio disco.
Os Chicos, projeto musical estreado pelos cantores Rafael Barros e Tiago Landeira, tem como missão cantar e reinterpretar a obra de Chico Buarque. O repertório, cuidadosamente escolhido, leva ao público as muitas fases do compositor, cantando o amor, o Brasil, a política, e mesclando música e poesia em doses certas.
A junção dos timbres agudo, de Tiago, e grave, de Rafael, entregam um dos diferenciais do show d’Os Chicos. As vozes, com diferentes cores, se entrelaçam em arranjos vocais diferenciados, que se desdobram em interpretações que vão muito além do samba. Um espetáculo de bom gosto, que promete revelar aos admiradores do compositor Chico Buarque um novo jeito de interpretar sua música.
Os Chicos iniciaram atividades em 2013, estreando o show “De volta ao samba”. Com o sucesso alcançado e apostando na ideia da releitura e criatividade em cima do repetório de Chico Buarque, realizaram, em 2014, o show “A cidade e o samba”, que também obeve sucesso de público e despertou a atenção da mídia local. Após pequeno hiato, trazem, em 2016, o show (RE)Construção, onde investigam a veia política do compositor mais a fundo.
Rafael Brandão se declara apaixonado por música brasileira e amante do samba. Ex-integrante dos grupos Samboêmios e Mosaico, é um dos organizadores e produtores do já tradicional Último Samba do Ano (USDA). Participando mais uma vez do projeto cultural, diz estar muito honrado com o convite do Ribeira Boêmia, até por se encontrar um pouco afastado do cenário musical. “Vou com muita alegria, levando meu samba nessa edição especial do Novembro Azul. Vem comigo!”, convida Brandão.
Serviço:
  • O quê? Ribeira Azul – Edição especial, em parceria com a Liga Contra o Câncer
  • Quando? Sábado, 19.11.16, 18h.
  • Onde? Associação Comercial e Empresarial do RN, na Av. Duque de Caxias, nº 191, Ribeira (próximo ao Teatro Alberto Maranhão).
  • Quanto*? Ingressos (meia entrada promocional para todos) antecipados a R$ 20,00. No dia, local e horário do evento, por R$ 30.
  • Vendas antecipadas de ingressos: Le Postiche (Midway Mall – 2º piso e Natal Shopping – 2º piso).
  • Contato para entrevistas:
  • Laumir Barrêto – 84 99953-0417
  • Leonardo Galvão - 84 99634-7999
  • (*) Mesas serão disponibilizadas gratuitamente, em número limitado, por ordem de chegada no dia e local do evento.