Nossa música:  HTML5 MediaElement

notícias

  • 24
  • out/2016

Turismo Social do Sesc realiza passeio pelas belezas naturais do interior do RN

O percurso incluiu paisagens serranas como Serra de São Bento e Monte das Gameleiras

Clique na imagem para ampliar. Foto de Ebenézer Nóbrega
Quem pensa que o Rio Grande do Norte é só um belo litoral, famoso por suas praias, se enganou. O interior do estado e suas paisagens, inclusive serranas, revelam lugares interessantes com muita história e figuras peculiares para se conhecer.
Para apresentar um pouco dessas belezas, o turismo social do Sesc RN realizou neste domingo (23/10), o passeio “Paraíso das Pedras” com percurso pelos municípios de Passa e Fica, Serra de São Bento, Monte das Gameleiras e avançou um pouco na divisa com a Paraíba, precisamente até Araruna, cidade paraibana onde se localiza uma famosa formação rochosa, conhecida como “Pedra da Boca”, com aproximadamente 336 metros de altura, que apresenta uma cavidade que lembra uma boca gigante.
Os dois estados também estavam representados entre os passageiros, com a paraibana, Maria do Socorro, e o potiguar João Horário. Eles desfrutavam pela primeira vez de um passeio realizado pelo Sesc RN.
“Eu frequento o Sesc em João Pessoa e já fiz vários passeios por lá, esse foi o primeiro que fiz aqui pelo Sesc RN. Adorei e achei interessante conhecer essa rocha fantástica, a Pedra da Boca, pois mesmo estando em território paraibana, vindo por aqui é mais perto”.
Seu João participa do projeto Trabalho Social com Idosos (TSI) e está sempre em busca de conhecer novos lugares. “Onde tiver viagem eu vou, preciso andar e conhecer pessoas”.
Outro destaque do passeio aconteceu na visita à capela medieval localizada na zona rural da Serra de São Bento, construída em estilo medieval em um terreno e recursos doados por empresários e população.
As cinco janelas e duas portas da pequena capela representam os dias da semana. A porta principal é o domingo e a última porta o sábado. A cruz feita em madeira e fixada em armações de ferro.
No altar de raiz de mangueira ficam São José, Nossa Senhora da Apresentação e Nossa Senhora dos Milagres.
Além da beleza da capela, outro destaque do lugar é o simpático casal de ex-agricultores, Maria Aparecida (65) e seu José Miguel (77). Ela esbanja vitalidade e se orgulha disso quando diz que tem uma família grande, com 25 filhos, 45 netos e 18 bisnetos. E se você pensa que com tanta gente assim, ela não tempo para nada, se engana, pois D. Maria é famosa pelos lambedores que faz, e diz ser bom para tudo.
“Eu ia ser operada de varizes e um médico de Guarabira me indicou o uso de lambedor de casca de jatobá. Desde então, eu tomei e não precisei operar e hoje faço para fazer o bem de todos”.
Em Monte das Gameleiras, os passageiros visitaram o Cruzeiro, localizado a 660m do nível do mar. Além da linda paisagem do lugar é possível conhecer uma igrejinha localizada no alto da montanha, em mais uma demonstração de fé e religiosidade características do povo da região.
Lá encontramos o funcionário público estadual, João Evangelista, que estava admirado com a paisagem e satisfeito em mais uma viagem pelo Sesc RN. Até agora já foram cinco.
“Adoro tudo, cada lugar que conheço pelo Sesc me surpreendo com o serviço, que considero de excelência, com guias preparados que nos passam o conteúdo histórico de cada região visitada, além dos percursos traçados que nos permitem conhecer nossas riquezas do estado e também país. Tanto que em novembro já garanti meu lugar na viagem para Garanhus, cidade localizada no agreste pernambucano. Saiba mais sobre essa viagem no www.sescrn.com.br
Turismo Social
O Sesc promove passeios pelo RN e outros estados por meio do seu TurismoSocial, retomado em 2016. Já foram realizadas excursões para João Pessoa, Festival Literário Sesc Infantojuvenil em São Miguel do Gostoso, Riquezas Minerais (Currais Novos, Santa Cruz e Sítio Novo), Serras do Meu RN (Martins e Portalegre), Caminhos do Frio (Alagoa Grande, Areia e Bananeiras, na Paraíba) e Pipa das Letras (FliPipa).
O Turismo Social visa proporcionar novas oportunidades de lazer, integração e enriquecimento cultural por meio de passeios a custos acessíveis. A missão do Sesc na área é de criar possibilidades para que as pessoas conheçam o Brasil, democratizando o acesso a viagens, passeios e hospedagens.