Nossa música:  HTML5 MediaElement

Mesa Brasil

O Mesa Brasil SESC surgiu em 2003, da experiência do SESC nas ações contra a fome e a subnutrição. Desde a década de 1990, esta instituição já realizava projetos na área, nos estados de São Paulo (Mesa São Paulo), Rio de Janeiro (Banco Rio de Alimentos), Ceará (Amigos do Prato), Pernambuco (Banco de Alimentos) e Paraná (Sopa e pão). Hoje, com mais de 3.000 empresas parceiras doadoras e mais de 5.000 entidades receptoras cadastradas, complementando refeições de milhares de pessoas em todo o país e parceiro do Programa Fome Zero, do Governo Federal.

No Rio Grande do Norte, o programa foi lançado em Natal, em setembro de 2003; e nos municípios de Caicó e Mossoró, em julho e dezembro de 2004 respectivamente, com todos funcionando através do Modelo Colheita Urbana.

Desde sua implantação até novembro deste ano, o programa arrecadou e distribuiu 7.968.076 kg de alimentos. Diante destes dados significativos, foi possível complementar tanto sistemática, como eventualmente as refeições servidas em todas as instituições sociais beneficiárias. Estes resultados comprovam uma maior abrangência do programa e maximização de suas ações direcionadas a populações situadas nos bairros periféricos de Natal, como também em 45 municípios do Estado, circunvizinhos nas três cidades onde se encontram as unidades do programa (Natal, Mossoró e Caicó).

Em Natal, destaca-se a fidelização dos permissionários do CEASA (Central de Abastecimento do Rio Grande do Norte), a rede Walmart, Rede Atacadão de supermercados, Rede Mais, panificadoras e fábricas de laticínios, dentre outros.

A região de Mossoró, por estar localizada em uma área de grande desenvolvimento da fruticultura irrigada, dispõe de fazendas do ramo da agroindústria realizando doações sistemáticas ao programa não só nos municípios circunvizinhos como também no Estado do Ceará. Além de todas as redes de supermercados da cidade também serem parceiras do programa.

Em Caicó, obteve-se a adesão maciça dos doadores do ramo informal, como os feirantes, que são responsáveis por boa parte das arrecadações sistemáticas, bem como as associações dos produtores rurais situados na região do Seridó que contribuem com doações expressivas de frutas.

Concomitante às doações, o papel das ações educativas na formação de multiplicadores nas instituições e comunidades assistidas é de fundamental importância para aplicação prática de técnicas e conhecimentos na melhoria da qualidade de vida dos grupos sociais mais vulneráveis. Através do desenvolvimento das atividades nas áreas de Nutrição e Serviço Social foi possível capacitar 12.308 multiplicadores.

Diante as ações educativas que o Mesa Brasil SESC promove, observa-se uma significativa mudança no comportamento dos manipuladores de alimentos, quanto à higiene, motivação, criatividade e preparo das refeições.

Desta forma, observou-se que o caráter educativo do programa é considerado como parte integrante e indispensável a todo o trabalho desenvolvido. Na área de Assistência, também são trabalhadas as temáticas voltadas à cidadania, geração de renda e desenvolvimento sustentável junto às comunidades.

MISSÃO

"Contribuir para a Segurança Alimentar e Nutricional dos indivíduos em situação de maior vulnerabilidade e atuar na redução do desperdício, mediante a doação de alimentos, desenvolvimento de ações educativas e promoção de solidariedade social em todo o país".

Visão

"Tornar-se a referência nacional como rede de solidariedade na área de Segurança Alimentar e Nutricional".


Princípios:

  • Excelência: Alimentos selecionados, transportados e distribuídos de acordo com as diretrizes do Programa Alimentos Seguros (PAS) de segurança alimentar.
  • Autonomia: As entidades assistidas são incentivadas a buscar a sustentabilidade.
  • Complementação: Reforço às refeições por meio das doações, aumentando o valor nutricional das preparações.
  • Transparência: Prestação de contas em todas as etapas do processo.
  • Solidariedade: Incentivo à ação social de empresas e ao trabalho voluntário.

Ações Educativas:

As ações educativas se concentram na promoção de hábitos alimentares saudáveis, manipulação e higiene de alimentos, culinária, elaboração de cardápios, aproveitamento integral dos alimentos, visando orientar para a produção de uma alimentação segura e levar à reflexão sobre o desperdício de alimentos.

Cursos de Geração de Renda:

Muito mais do que levar o alimento aos que mais precisam o Programa Mesa Brasil do SESC, oferece cursos de geração de renda, que são escolhidos segundo estudo realizado pela equipe do programa junto à comunidade atendida.

Em novembro, a equipe do programa preparou uma verdadeira festa de encerramento da turma de pintura em tecido, ministrado na Casa da Amizade, no bairro Pajuçara. O curso teve duração de duas semanas e contou com a participação de 16 pessoas.

A nutricionista do programa, Ana Angélica, comenta que o encerramento de mais um curso traz a sensação do dever cumprido compartilhada por toda a equipe do Mesa Brasil. "Estou muito feliz e emocionada neste momento especial, principalmente pelo interesse das pessoas em crescer, aprender e empreender. Espero voltar aqui e receber boas notícias desses novos empreendedores".

Receita:

Torta Salgada de Casca de Abóbora com Recheio de Talos

Ingredientes:

  • 03 xícaras de chá de farinha de trigo
  • 03 ovos
  • 01 xícara de chá de casca de abóbora
  • 01 xícara de chá de talo de couve e salsa
  • 01 cenoura ralada
  • ½ copo de óleo
  • ½ pacote de queijo ralado (50g)
  • 01 cebola pequena
  • 01 dente de alho
  • 01 copo de leite (250 mL)
  • Sal a gosto
  • 01 colher de sobremesa de fermento em pó

Modo de preparo:

Recheio: Refogar a cebola, o alho, os talos e a cenoura.

Massa: Colocar os ovos, a casca de abóbora, o óleo, o queijo ralado, o leite e o sal no liquidificador. Despejar a massa em uma vasilha e misturar o trigo, o recheio e o fermento em pó. Levar ao forno por 30 minutos, em forma previamente untada com margarina ou óleo e farinha de trigo.

Rendimento: 20 porções

Informações nutricionais:

Preparação com estimáveis quantidades de micronutrientes essenciais ao bom funcionamento do organismo, como a vitamina A e fibras, além de ofertar (em menores proporções) potássio, fósforo, cálcio e magnésio. Assim, é um alimento rico nutricionalmente, fornecendo nutrientes importantes para a visão e o sistema imunológico (especialmente a vitamina A), importante para a manutenção óssea, entre outras atividades vitais como o favorecimento da regulação intestinal, por meio das fibras.

Este componente alimentar influi diretamente no trânsito intestinal, aliviando a prisão de ventre, além de favorecer o controle das taxas de açúcares e gorduras no sangue, ganhando importante apreciação no tratamento de doenças crônicas não transmissíveis. Porém, convém lembrar que deve ser consumido com moderação, por ser um alimento com importante teor calórico, devendo, pois, estar inserido em práticas alimentares saudáveis.

Doações

As empresas podem contribuir com produtos hortifrutigranjeiros, enlatados, empacotados, pães, grãos, derivados do leite, entre outros alimentos próprios para consumo.

Outra forma de participação das empresas é o apoio na parte operacional do projeto, com a doação de produtos como gasolina, material gráfico, embalagens plásticas, empréstimos de carros, entre outros.

O que pode ser doado:

  • Frutas, legumes e verduras;
  • Frios e laticínios;
  • Grãos e cereais;
  • Enlatados e conservas;
  • Pães e massas;
  • Carnes e derivados;
  • Embalagens próprias para transporte de alimentos;
  • Equipamentos de cozinha;
  • Utensílios culinários;
  • Combustível;
  • Serviços diversos.

O que não pode ser doado:

  • Refeições prontas para consumo;
  • Doces e pães com recheios cremosos;
  • Alimentos com embalagens danificadas, data de validade vencida, fora das condições adequadas de uso.

Clique aqui e fique por dentro de quem já está integrado ao nosso programa; tanto doando quanto recebendo

Entre em contato com o Mesa Brasil SESC RN e defina, junto com o programa os dias e horários de coleta dos alimentos ou de como você pode participar.

Natal:
Rua Coronel Bezerra, nº 33.Cidade Alta - Natal/RN.
Tel: 3211-5577 Ramal 220 | Fax: 3201-3083.

Caicó:
Rua: Washington Luiz, Nº 55 - Boa Passagem - Caicó/RN.
Tel/Fax: 3421-2337

Mossoró:
Rua: João Marcelino S/N - Nova Bethânia - Mossoró/RN.
Tel: 3316-3665 Ramal 202 | Tel/Fax: 3316-3425

topo

Direitos do Doador:

A partir da assinatura do Protocolo de Cooperação entre o SESC e o Ministério Extraordinário de Segurança Alimentar e Combate à Fome, através do programa Mesa Brasil SESC e o Fome Zero, em solenidade no dia 24 de Fevereiro de 2003, ficou firmado o propósito de ambas instituições promoverem ações na área da alimentação e nutrição, visando o combate ao desperdício e garantindo o direito a alimentação a quem precisa, resgatando a cidadania.

Diante disto, está sendo concedido às empresas doadoras, a insenção de impostos sobre os produtos doados ao programa Mesa Brasil SESC. Para isto, é necessário que a empresa faça o cadastro de doador junto ao programa Fome Zero, através do Site www.fomezero.gov.br, para que o Ministério Extraordinário de Segurança Alimentar forneça o número do certificado . Após o cadastramento, quando for realizar as doações deverá constar as seguintes informações na nota fiscal:

  • Isento do ICMS conforme convênio ICMS N. 18/04/2003;
  • Produtos destinados ao Fome Zero/Mesa Brasil SESC-RN;
  • Número do cadastro fornecido pelo Ministério.

Deveres do SESC:

  • Coletar os gêneros, conforme programação definida, e repassá-los, integralmente, às entidades cadastradas no programa;
  • Preservar a qualidade dos itens, a partir da doação até a sua destinação.
topo
voltar